2926 usuários online no momento.
Participe em nossa comunidade é divertido e é totalmente gratuito!

O seu bebê não está dormindo à noite!?

Ele só dorme em meus braços
Desde que nasceu ele é apegado a você e está seguindo seu instinto natural de sobrevivência em não querer ficar longe de você mesmo que longe signifique ao lado da sua cama.
Mas agora ele já está crescendo e está na hora de você dar as regras.
Considere cantar uma música todos os dias na hora de dormir, a mesma. Comece cantando com ele nos seus braços e conforme ele vai adormecendo, vá transferindo-o para o berço ou cesto sem parar de cantar. A música vai ajudar a distraí-lo e acalmá-lo e pode levar um tempo para ele perceber a transição. Mantenha uma mão nas costinhas dele para, caso ele acordar, ver que você ainda está ali e ele pode não só ouvir mas também sentir a sua presença.
(Mas não esqueça de deixar tudo preparado antes. Muitas vezes o bebê dorme em seus braços e aí na hora de por no berço, tem brinquedo, fralda, o lençol não está puxado, etc. Concertar tudo agora é claro que vai acordá-lo!).
Vá retirando a mão calmamente e continue cantando. Ele pode se virar e até chorar. Se isso acontecer, coloque a mão novamente em suas costas mas não o pegue no colo. Continue cantando e acariciando até ele se acalmar novamente.
Ele vai aprendendo a relaxar também com o som da sua voz e toque das suas mãos.
Mas se o choro for daqueles estridentes e fortes, provavelmente você vai precisar pegá-lo no colo e recomeçar.
Tente todas as noites os mesmos procedimentos. Com o tempo ele vai captando a mensagem.


 Publicação: 

Avaliar esse artigo:

Ótimo!

Agradecemos sua opinião.
Sua participação é de grande ajuda.

×

Este artigo foi avaliado 178 vezes
A avaliação está em 3.94



 

©1999-2018 E-familynet - O portal da família


Em Breve.

Google+ e Twitter Login

Estamos trabalhando em outras variedades de login para permitir que você acesse o e-familynet através de sua rede social favorita. Por enquanto, recomendamos que você use o login do Facebook.

Por favor, tente novamente em breve.

×