lulu-souza
Membro
 Posts: : 17
  

Usuário lulu-souza

Estatísticas e informações sobre lulu-souza

Avatar do Usuário
Ranking
Membro
Membro




Reputação
Reputação
Estatísticas
 Posts: : 17
 Tópicos: 3
 Ainda não tem.
 Registrado em: 12 Fev 2014
 Idade: 37


×
 Escrita em 10 Abr 2019 15:32 por usuário lulu-souza

Vale a pena ler:::

A Medicina Reprodutiva caminha a passos largos, e é sempre acompanhada de novos exames que fazem diagnósticos incríveis buscando aumentar as chances de sucesso dos tratamentos de fertilização. São exames como pesquisa genética, biópsia do embrião (PGT-A e PGT-M), Trombofilias, ERA e HLA-C /KIR, além de novos medicamentos, tratamentos individualizados e esquemas de estimulação ovariana. A pesquisa leva a constantes novidades, entretanto, muitas vezes, diagnósticos mais simples e muito importantes são esquecidos e passam despercebidos.

É o caso das INFLAMAÇÕES CRÔNICAS SUBCLÍNICAS, que aqui chamamos de “inflamações silenciosas” por serem imperceptíveis e não causarem sintomas, mas que podem interferir na fertilidade e dificultar o sucesso da gravidez espontânea e também nos tratamentos de fertilização. ( falhas de implantação )

Essas inflamações são causadas por razões variadas. Pode ser pelo estresse físico, emocional e mental, dieta inadequada, toxinas ambientais ou problemas simples de saúde, como alergias e obesidade, além de problemas ginecológicos como ovários policísticos, endometriose, falência ovariana ou simples processos naturais como a própria ovulação ou mudança cíclica do ovário.



O QUE É INFLAMAÇÃO?



Inflamação é o mecanismo de defesa natural do corpo. Faz parte do sistema imunológico e pode ser desencadeado por muitas coisas. É um processo complexo pelo qual os glóbulos brancos do corpo são liberados no sangue ou tecidos afetados para combater a infecção. A inflamação é a maneira de o corpo marcar uma região para receber atenção do sistema imunológico.

Existem dois tipos de inflamação, aguda e crônica. A inflamação aguda começa rapidamente e geralmente desaparece dentro de alguns dias. A inflamação aguda nos protege contra células, vírus e bactérias danificados. Dessa forma, a inflamação é benéfica.

A inflamação crônica é sistêmica e pode durar meses ou anos. Muitas coisas podem contribuir para a inflamação crônica, incluindo alimentos inflamatórios, toxinas ambientais, excesso de peso, estresse, problemas digestivos, alergias, hipertensão, depressão, Síndrome do Intestino Irritável, fadiga crônica etc. No caso de inflamação crônica, as células imunes pró-inflamatórias continuam circulando pelo corpo e danificam tecidos saudáveis, ​​incluindo sangue, revestimentos de vasos (aterosclerose), tecido articular (artrite) e mucosa intestinal (intolerância alimentar), podendo, por fim, causar a queda da qualidade dos espermatozoides e óvulos, além de causar um ambiente hostil para uma gravidez. Existem várias razões pelas quais homens e mulheres têm inflamação crônica.

Endometriose, Síndrome do Ovário Policístico (SOP), doença inflamatória pélvica (DIP) e falência ovariana prematura têm sido associadas à inflamação crônica e aos resultados adversos da gravidez. Os pesquisadores levantam a hipótese de que a inflamação crônica pode prejudicar o ambiente uterino e/ou interromper a cadeia específica de eventos do sistema imunológico que permitem o implante de um embrião (Levin et al. 2007).

Leia mais:: https://ipgo.com.br/inflamacoes-cronicas-silenciosas-e-a-infertilidade/

 carina1986
 Posts: : 3
  

Usuário carina1986

Estatísticas e informações sobre carina1986

Avatar do Usuário
Ranking




Reputação
Reputação
Estatísticas
 Posts: : 3
 Tópicos: 0
 Ainda não tem.
 Registrado em: 09 Abr 2019
 


×
 Escrita em 10 Abr 2019 16:26 por usuário carina1986

que legal!! vou ler!!!

só podia ser do IPGO e do meu muso Dr Arnaldo !

Devorando tudo que eles postam.... Laughing Laughing Laughing Laughing

Página 1 de 1 >> Todos os horários são GMT - 3 Hours

©1999-2018 E-familynet - O portal da família


Em Breve.

Google+ e Twitter Login

Estamos trabalhando em outras variedades de login para permitir que você acesse o e-familynet através de sua rede social favorita. Por enquanto, recomendamos que você use o login do Facebook.

Por favor, tente novamente em breve.

×