tata_82
 Posts: : 4
  

Usuário tata_82

Estatísticas e informações sobre tata_82

Avatar do Usuário
Ranking




Reputação
Reputação
Estatísticas
 Posts: : 4
 Tópicos: 1
 Ainda não tem.
 Registrado em: 04 Nov 2013
 


×
 Escrita em 04 Nov 2013 11:38 por usuário tata_82

Boa tarde
Tenho um relacionamento há sete anos entre namoro e casamento, e meu esposo era viúvo quando o conheci e tinha dois filhos.
Sempre acolhi as crianças como se fossem minhas, sendo amiga, presenteando em datas especiais e não especiais.
De uns tempos pra cá, o menino, que hoje está com 12 anos, mudou bastante comigo, parece não gostar de mim da mesma forma, não me cumprimenta no dia das mães, parece apenas escutar e executar ordens dada pelo pai, e já reclamei com meu esposo, no ínicio ele me deu razão.
Ontem, meu esposo fez algumas tarefas domésticas e saiu para ir no mercado, eu fiquei e fui limpar outras coisas que estavam sujas e lavar a louça. Meu enteado acordou tarde e já foi jogar videogame, coisa que faz com muita frequência e inclusive games que são inapropriados para idade dele, mas meu esposo não o proíbe. Acontece que pela idade dele, eu acho que ele já deveria ter algumas responsabilidades, sem que toda vez a gente tenha que brigar para que aconteçam.
Meu esposo voltou do mercado e businou, ele (o filho) sequer saiu o lugar, eu sai e nisso meu esposo entrou e chamou o filho para ajudar, nisso eu entrei, ai ele me perguntou o porque de eu ter entrado, e eu disse que já que o filho estava lá, que iria ajudar, já que não eram muitas compras.
Ele ficou super bravo e começou a gritar que eu estava com implicância com o menino, no final nos desentendemos muito, e ele disse que os filhos dele eram problema dele e que ele nunca precisou de mim, me senti e me sinto muito magoada com esta situação.
Eu só gostaria que ele visse que eu tento realmente ajudar e ser mãe das crianaças e que quero o melhor pra eles, qualquer mãe, mesmo a deles se estivesse viva, cobraria isso.
Não sei o que fazer, me ajudem.[b]

 mraa
Membro Ouro
 Posts: : 475
  

Usuário mraa

Estatísticas e informações sobre mraa

Avatar do Usuário
Ranking
Membro Ouro
Membro Ouro




Reputação
Reputação
Estatísticas
 Posts: : 475
 Tópicos: 14
 Amigos.: 32
 Registrado em: 11 Set 2008
 Idade: 48


×
 Escrita em 04 Nov 2013 12:46 por usuário mraa

Olá!

Realmente é uma situação muito delicada e acredito que você realmente ame as crianças e queira o melhor para elas, já que aceitou o pacote completo. COnfie em Deus, seu esposo vai perceber que foi injusto. Mas procure entender porque ele está diferente com você. talvez seja "meninice", coisa de criança. Estou torcendo e acredito que tudo vai dar certo.

Inté.


Márcia.

 tata_82
 Posts: : 4
  

Usuário tata_82

Estatísticas e informações sobre tata_82

Avatar do Usuário
Ranking




Reputação
Reputação
Estatísticas
 Posts: : 4
 Tópicos: 1
 Ainda não tem.
 Registrado em: 04 Nov 2013
 


×
 Escrita em 04 Nov 2013 16:21 por usuário tata_82

Tomara que sim, Márcia!

Obrigada

 lia-lia
Membro Platina
 Posts: : 1316
  

Usuário lia-lia

Estatísticas e informações sobre lia-lia

Avatar do Usuário
Ranking
Membro Platina
Membro Platina




Reputação
Reputação
Estatísticas
 Posts: : 1316
 Tópicos: 130
 Ainda não tem.
 Registrado em: 09 Abr 2011
 


×
 Escrita em 05 Nov 2013 09:03 por usuário lia-lia

Veja, é difícil mesmo colocar um adolescente para fazer qualquer coisa na casa. Eles só querem o vídeo game mesmo! Esta idade é de maneira geral complicada, seja com filhos nossos e no seu caso que é enteado, fica até pior. Digo pior porque parece que vc e seu marido não estão na mesma página.
Veja com ele ( o pai) quais são as regras porque criar filho sem regra NÃO VAI DAR CERTO mas vcs dois devem estar de acordo com o plano proposto para que o menino siga e seu marido não pode dar bola à reclamações do menino. Ele tem que entender que vc ama as crianças dele e quer o bem deles e querer o bem não é só deixar solto, sem limites, sem obrigações.

 tata_82
 Posts: : 4
  

Usuário tata_82

Estatísticas e informações sobre tata_82

Avatar do Usuário
Ranking




Reputação
Reputação
Estatísticas
 Posts: : 4
 Tópicos: 1
 Ainda não tem.
 Registrado em: 04 Nov 2013
 


×
 Escrita em 05 Nov 2013 12:21 por usuário tata_82

Lia, boa tarde!
É justamente como penso....mas vou deixar ele esfriar a cabeça quem sabe com calma ele veja isso.

 greice bio
 Posts: : 3
  

Usuário greice bio

Estatísticas e informações sobre greice bio

Avatar do Usuário
Ranking




Reputação
Reputação
Estatísticas
 Posts: : 3
 Tópicos: 0
 Ainda não tem.
 Registrado em: 17 Nov 2015
 


×
 Escrita em 18 Nov 2015 00:27 por usuário greice bio

Eu tb estou com problemas com o meu. Ele tem 14 anos, e quando fomos morar juntos ele era bem carinhoso e simpatico, mas percebi que mudou neste ultimo ano. Percebo um certo olhar de malícia, nao sei bem dizer o que é, mas as vezes fico na dúvida sobre o que ele pensa e sente. Se alguma de voces já se deparou com essa situacao e quer compartilhar experiencia, meu skype é greicebio@hotmail.com. Obrigada.

 lumilagres
Membro Elite
 Posts: : 2046
  

Usuário lumilagres

Estatísticas e informações sobre lumilagres

Avatar do Usuário
Ranking
Membro Elite
Membro Elite




Reputação
Reputação
Estatísticas
 Posts: : 2046
 Tópicos: 80
 Amigos.: 24
 Registrado em: 12 Set 2011
 


×
 Escrita em 18 Abr 2016 16:22 por usuário lumilagres

Vixe colega, se seu marido disse que os filhos dele são problemas dele, faça isso, abra mão e deixa o pai resolver o problema. Não adianta querer tomar um lugar que talvez vc não tenha diante deles, se eles te consideram mãe ótimo, senão forçar a barra é pior...faça apenas o que é possível pra vc fazer...pois seu próprio marido já está te desautorizando diante dos filhos...não compre brigas que não dá pra ganhar...

Página 1 de 1 >> Todos os horários são GMT - 3 Hours

©1999-2018 E-familynet - O portal da família


Em Breve.

Google+ e Twitter Login

Estamos trabalhando em outras variedades de login para permitir que você acesse o e-familynet através de sua rede social favorita. Por enquanto, recomendamos que você use o login do Facebook.

Por favor, tente novamente em breve.

×